Arquivo da categoria: Melhores de 2013

Favoritos dos Sousa: Bobby Womack

Bobby Womack – (Robert Dwayne “Bobby” Womack (Cleveland, EUA, 4 de março de 1944 – 27 de junho de 2014)

 

Foi um cantor, compositor e músico norte-americano. Ativo desde o início dos anos 1960, quando ele começou sua carreira como vocalista da banda de sua família chamado The Valentinos, e como um guitarrista que acompanhou Sam Cooke. A carreira de Womack foi desenvolvida durante mais de 40 anos e gerou um repertório em estilos como R&B, soul, doo-wop, gospel, country, funk. Womack foi introduzido no Rock and Roll Hall of Fame, em 2009. Pois Bobby morreu nesta sexta (27), aos 70 anos. Um representante de sua gravadora, a XL Recordings, confirmou a morte à revista “Rolling Stone”, mas disse que a causa ainda não é conhecida.O cantor já havia sido hospitalizado por um longo período em decorrência de um câncer e chegou a ficar em estado de coma, mas se recuperou e voltou aos palcos. seu último disco, “The bravest man in the universe” (2012), foi escolhido como um dos melhores do ano pela Vitrola dos Sousa. Ele deixa ainda um disco inédito, “The best is yet to come”, que tinha lançamento previsto para este ano, sem data definida. Com dez músicas, o álbum foi gravado nos dois últimos anos, com participações de Gerald Levert e Teena Marie, Rod Stewart, Damon Albarn, Stevie Wonder, Ronald Isley and Snoop Dogg.

Discografia

1968: Fly Me to the Moon (Minit) – US No. 174, R&B No. 34
1969: My Prescription (Minit) – R&B No. 44
1971: Communication (United Artists) – US No. 83, R&B No. 7, Jazz No. 20
1972: Understanding (United Artists) – US No. 43, R&B No. 7
1972: Across 110th Street (United Artists) – US No. 50, R&B No. 6
1972: Your Navy Presents (United States Naval Recruitment Dept.,) – 12 track promotion album issued as part of a recruitment campaign and sent to forces radio.
1973: Facts of Life (United Artists) – US No. 37, R&B No. 6
1974: Lookin’ for a Love Again (United Artists) – US No. 85, R&B No. 5
1975: I Don’t Know What the World Is Coming To (United Artists) – US No. 126, R&B No. 20
1975: Safety Zone (United Artists) – US No. 147, R&B No. 40
1976: BW Goes C&W (United Artists)
1976: Home Is Where the Heart Is (Columbia)
1978: Pieces (Columbia) – US No. 205
1979: Roads of Life (Arista) – US No. 206, R&B No. 55
1981: The Poet (Beverly Glen) – US No. 29, R&B No. 1
1984: The Poet II (Beverly Glen) – US No. 60, R&B No. 5, UK No. 31
1985: So Many Rivers (MCA) – US No. 66, R&B No. 5, UK No. 28
1985: Someday We’ll All Be Free (Beverly Glen) – US No. 207, R&B No. 59
1986: Womagic (MCA) – R&B No. 68
1987: Last Soul Man (MCA)
1989: Save The Children (Solar)
1994: Soul Seduction Supreme (Castle)
1994: Resurrection (Continuum) – R&B No. 91
1999: Back to My Roots (Capitol) – Gospel No. 27
1999: Traditions (Capitol)
2000: Christmas Album (Indigo)[3][18]
2012: The Bravest Man in the Universe (XL Recordings)[9] UK No. 49, US No. 181
2014: The Best is Yet to Come (XL Recordings)[19]

Live albums

1970: The Womack “Live” (United Artists) – US No. 188, R&B No. 13
1998: Soul Sensation Live (Sequel)

Compilation albums

1975: Greatest Hits (United Artists) – US No. 142, R&B No. 30
1975: I Can Understand It (United Artists) – same tracks as on Greatest Hits
1986: Check it Out (Stateside) – UK SSL 6013
1993: Midnight Mover – The Bobby Womack Collection (EMI USA)
1998: Red Hot + Rhapsody
1999: Traditions (Capitol)
2003: Lookin’ For a Love: The Best of 1968–1976 (Stateside Records)[20]
2004: Fly Me to the Moon/My Prescription on one CD (Stateside Records)[20]
2004: Understanding/Communication (Stateside Records)[20]
2004: Womack Live/The Safety Zone (Stateside Records)[20]
2004: Lookin’ For A Love Again/BW Goes CW (Stateside Records)[20]
2004: Facts of Life/I Don’t Know What the World Is Coming To (Stateside Records)[20]

As a featured artist

2001:Sleepwalking with Rae & Christian (Studio K7)[20]
2010: Plastic Beach with Gorillaz (Parlophone)[20]
2011: The Fall with Gorillaz (Parlophone)[20]
2014: Maybach Music V with Rick Ross (Maybach Music Group, Slip-n-Slide Records, Def Jam Recordings)

Um gostinho da genialidade de Womack:

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Bobby Womack, Favoritos dos Sousa, Melhores de 2013, Memória

Melhores de 2013: # 1. Artic Monkeys : AM

artic2013

O nosso álbum do ano. O Artic Monkeys tem tudo de melhor que as bandas britânicas  têm. AM é o seu quinto álbum de estúdio, lançado em 9 de setembro de 2013. Melodias gostosas, rock de primeira, ecos de Beatles, de anos oitenta e de vanguardismo. Muito bom. Ouça sempre !

 

Deixe um comentário

Arquivado em Artic Monkeys, Melhores de 2013

Os Melhores de 2013: # 2. Kanye West : Yeezus

yeezus

 

Yeezus , o sexto álbum de estúdio a solo do rapper norte-americano Kanye West, lançado a 18 de Junho de 2013. Coroando nosso ano, forte em rap e hip hop, Kanye West lançou um dos discos mais elogiados do ano. Tente não escuta-lo apenas como mais um disco de rap. Preste atenção nas melodias de fundo, na experimentação constante, na ousadia. Musicalmente, Yeezus possui uma sonoridade obscura e experimental, combinando elementos estilísticos de dancehall, acid house e música industrial. A promoção inicial do disco inclui várias projecções a nível mundial das músicas incluídas no alinhamento e atuações ao vivo em programas de televisão.

Deixe um comentário

Arquivado em Kanye West, Melhores de 2013

Os Melhores de 2013: # 3. Maglore : Vamos para a Rua

Maglore

Maglore é uma banda de música popular brasileira e rock, formada em meados de 2009 e é composta por Teago Oliveira (voz e guitarras) Leo Brandão (teclado e guitarras) Nery Leal (contrabaixo) e Felipe Dieder (bateria). O único EP da banda, “Cores do Vento”, foi lançado em 2009 (independente) e recebeu boas críticas nos diversos blogs de relevância nacional, como o Rock n’Beats, El Cabong, Scream Yell e o extinto Laboratório Pop. Entre os artistas que elogiaram o trabalho, está Henrique Portugal (tecladista do grupo Skank).

O primeiro álbum do Maglore, “Veroz” (independente/Melody Box) foi considerado uma das revelações da música brasileira no ano de 2011, pelo jornal O GLOBO e entrou para listas de diversos Blogs no mesmo ano, na categoria “Melhores do Ano”. Agora eles retornam com o belíssimo Vamos para a rua.

“Majestosamente, a obra conta com participações mais do que nobres. Além de resgatar sua origem, amplifica sua canção com um pouco do universo vocal do alagoano referência para a nova geração, Wado, e do multivalente Carlinhos Brown. Sem se esquecer da mixagem e masterização de nada mais, nada menos, que Fernando Sanches. Também com produção e fotografias incríveis de Azevedo Lobo para a arte gráfica. Absurdamente abusados”(Musicoteca)

Maglore é Teago Oliveira (voz e guitarra), Leo Brandão (teclado, guitarra e voz), Felipe Dieder (bateria) e Nery Leal (baixo e voz). – See more at: http://www.amusicoteca.com.br/?p=8111#sthash.4Pi3o8ex.dpuf

Deixe um comentário

Arquivado em Maglore, Melhores de 2013

Os Melhores de 2013: # 4. Ka – The Night’s Gambit (Iron Works)

ka

Parece que 2013 foi o ano dos grandes discos de Rap e Hip Hop . Aqui mais um : o autor Kaseem Ryan (born 1972), better known by his stage name Ka. Prepare-se para ser incomodado. Um rap diferente, mais sombrio, mais lento, profundamente negro. Escute e se possível leia as letras.

Deixe um comentário

Arquivado em Ka, Melhores de 2013

Os Melhores de 2013: # 5 Odilara: Janela para o Mundo

Odilara

E tem mais mineiro no nosso Top 10. “Se você pensa que já ouviu tudo o que é possível sair da mistura de samba e rock, corra para conhecer o segundo disco do quinteto mineiro Odilara. Um trabalho inteiramente autoral, com percussão e metais fortes, guitarra sempre presente e a voz clara de Andréa Furtini . As doze canções do álbum acionam sorrisos e servem para animar salões.”(Os Melhores da Música Brasileira)  Um sopro de novidade na MPB. Bem vindos meninada do Odilara, já estamos ansiosos para ouvir o próximo CD.

Deixe um comentário

Arquivado em Melhores de 2013, Odilara

Os Melhores de 2013: #6. Beyoncé: Beyoncé

beyonce

Beyoncé (estilizado como BEYONCÉ) é o quinto álbum de estúdio da artista musical estadunidense Beyoncé, lançado em 13 de dezembro de 2013 . Descrito como um “álbum visual”, pela própria artista, o projeto conta com quatorze faixas e dezessete vídeos musicais gravados durante 2013, em vários lugares do mundo, como Houston, Nova Iorque, Paris, Sydney, Trancoso e Rio de Janeiro. Musicalmente, Beyoncé é um álbum R&B eletrônico, combinando produção minimalista, estrutura da canção solta e vocais emotivos. Knowles revisita seu tema comum de auto-capacitação, embora o álbum distingue-se das versões anteriores devido ao seu discurso franco sobre a sexualidade feminina. Beyoncé ( ex-líder e alma das Destny’s Child)  é certamente a nossa versão moderna de Diana Ross (ex-líder e alma das Supremes) com uma vantagem Beyoncé compõe, produz e coreografa melhor que Diana.

 

Deixe um comentário

Arquivado em Beyoncé, Melhores de 2013