Arquivo da tag: Data

Data: 100 anos de Dalva Oliveira

Resultado de imagem para dalva de oliveira

 

Ontem Dalva de Oliveira estaria comemorando 100 anos. Mas quem foi Dalva ? Muitos de nossos leitores/ouvintes não sabem ou apenas ouviram falar dela. Paulista, de Rio Claro, Dalva foi a principal estrela da Era do Rádio. Para comparar, ela foi teve mais ou menos a mesma importância e influência que Elis Regina teria, alguns anos depois, sobre uma grande geração de cantoras. Como diz o G1 em sua edição de ontem: “Com cristalina voz de soprano, cuja extensão a permitia transitar com naturalidade dos graves aos agudos, Dalva iluminou o sentimento brasileiro com um canto aberto, folhetinesco, que atingiu (e ainda alcança) a alma popular”.

Embora tenha ficado famosa também pela “lavação de roupa suja”, em público, resultante de seu casamento com Herivelto Martins, Dalva sempre soube manter a sua estrela brilhando. Ao longo de sua discografia desfilam grandes sucessos como: Segredo (Herivelto Martins e Marino Pinto, 1947), Olhos verdes (Vicente Paiva), Tudo acabado (Osvaldo Martins e J. Piedade), Que será? (Marino Pinto e Mário Rossi), Errei, sim (Ataulfo Alves) e Ave Maria (Jayme Redondo e Vicente Paiva. Após uma breve pausa em sua carreira, parcialmente causada pela ascensão da Bossa Nova, Dalva emplacou ainda dois grandes sucessos carnavalescos que cantaremos para sempre:    Máscara negra (Zé Kétti e Pereira Matos, 1966) e Bandeira branca (Max Nunes e Laércio Alves, 1970).  O Vitrola deseja uma vida longa e merecida  à memória de Dalva de Oliveira.

 

Deixe um comentário

Arquivado em Dalva de Oliveira, Data, Diversas, Homenagem

Data: Dia Nacional do Forró: 30/12/16 – Zenilton – Os Ladrões da Petrobras – Clipe Oficial (2015)

Resultado de imagem para forró

 

O dia foi ontem e post está um dia atrasado, mas a data não poderia passar em branco, assim lembramos que 30 de dezembro é o Dia Nacional do Forró.A data é uma homenagem ao dia do nascimento do maior sanfoneiro que o Brasil conheceu – Luiz Gonzaga.Foi instituído pela Lei nº 11.176, sancionada pelo presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, em 6 de setembro de 2005, e que teve origem no Projeto de Lei nº 4265/2001, de autoria da deputada federal Luiza Erundina.  O forró tem a cara do Brasil e é com a cara do Brasil que comemoramos este dia:

 

Deixe um comentário

Arquivado em Data, Diversas, Forró, Zenilton

Datas: Tapestry – Carole King – 10/04/1971

Exatamente há 44 anos atrás Carole King estreou na parada Billboard 200 com seu álbum “Tapestry.” Criosamente seu primeiro single:  “It’s Too Late/I Feel The Earth Move, só estreou nas paradas 4 semanas depois.  tendo chegado ao  No. 1 na Billboard Hot 100. O álbum ficou 15 semanas na posição No. 1 . Tapestry é um disco excepcional e ainda hoje considerado um dos melhores de todos os tempos.

Deixe um comentário

Arquivado em Carole King, Data

Dia Nacional do Samba

roda-de-samba-700x492

Hoje é o Dia Nacional do Samba e a Vitrola não poderia deixar passar em branco…Você sabe porque  no dia 2 de dezembro? O motivo é bem diferente do imaginário popular – o dia 2 de dezembro foi o dia em que Ary Barroso  visitou Salvador pela primeira vez. Ary era muito famoso, mas nunca tinha estado em Salvador, então foi feita uma festa muito grande, que passou a ser repetida anualmente e depois foi se espalhando pelo Brasil. Fica para a História, o importante é não deixar o samba morrer:

 

 

 

 

Deixe um comentário

Arquivado em Data, Dia Nacional do Samba

Dia Nacional do Samba

 

Ontem : 02 de Dezembro foi o Dia Nacional do Samba.

Mas por que justo no dia 2 de dezembro?

Quem explica  é a CEDI Câmara dos Deputados: ” O motivo é curioso: Ary Barroso , um dos maiores compositores brasileiros de todos os tempos compôs o samba Na Baixa do Sapateiro, que tinha uma letra que exaltava a Bahia, sem nunca ter visitado nenhuma cidade baiana.Mas na primeira vez que ele pisou em Salvador, num dia 2 de dezembro, o vereador baiano Luís Monteiro da Costa aprovou uma lei que declarava que aquele dia seria o Dia Nacional do Samba, numa forma de homenagear o compositor.A partir desse acontecimento a data tornou-se um dia para se comemorar toda a riqueza do samba, um dos principais patrimônios culturais brasileiros.Atualmente somente duas cidades costumam comemorar o Dia do Samba: Salvador e Rio de Janeiro. Em Salvador sempre tem grandes shows lá no Pelourinho, com artistas e cantores famosos e com os sambistas locais.Alguns como Nelson Rufino, Walter Queiroz, recebendo convidados como Paulinho da Viola, Elza Soares, Dona Ivone Lara.

No Rio de Janeiro a festa fica por conta do animadíssimo Pagode do Trem.No Dia do Samba o pessoal se reúne lá na Central do Brasil, lota um trem inteirinho e vai tocando e cantando até o bairro de Oswaldo Cruz, onde lá formam-se várias rodas de Samba.Os vagões vão sempre lotados e em cada vagão vai um grupo que agita as rodas de Samba do Rio de Janeiro, incluindo grupos com sambistas famosos e locais.Alguns vagões levam os repórteres e outros da mídia que aparecem por lá para registrarem o fato. A Beth Carvalho costuma aparecer por lá para dar aquela força.” (PS: Neste ano, 2010,  pela primeira vez, o Trem do Samba (ou Pagode do Trem) não acontecerá no Dia do Samba (2 de dezembro). Em 2010, os trens mais animados do mundo sairão no dia 4 de dezembro, um sábado, a partir do meio-dia.No entanto, os shows na Central do Brasil continuaram, e aconteceram no próprio Dia Nacional do Samba, 2 de dezembro, quinta-feira.

 

Por isto, se você ainda não festejou, aproveite o final de semana, sambe muito e celebre a alegria única de ser brasileiro !

Deixe um comentário

Arquivado em Data, Samba